Domingo, 20 de Dezembro de 2015

Senhores governantes deixem a Língua Portuguesa em Paz

 

A reforma ortográfica da Língua Portuguesa é uma das coisas mais ridículas ocorridas nos últimos anos.  (...) A reforma é uma coisa inútil. Nem a Língua Portuguesa tem paz.  (...)  A reforma foi feita com absoluta falta de zelo e cuidado. Não serve para nada.

Representa mais uma maneira de destruir a Língua.

O poeta e jornalista Álvaro Alves de Faria comenta.

«Ainda vamos a tempo de SALVAR a Língua.

Não atirem ao lixo um património cultural desta envergadura».

 

https://www.youtube.com/watch?v=vO70hqAI7j8&feature=emb_title

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:53

link do post | comentar | adicionar aos favoritos
partilhar
Quarta-feira, 16 de Dezembro de 2015

O AO1990 é fruto de um complexo de inferioridade, mas à "fina" …

 

O título da notícia, no Diário Digital é este: «Paris: Pai de terrorista «teria matado» o filho se soubesse do plano»

 

Depois segue-se a explicação: «Said Mohamed-Aggad disse à agência de notícias francesa AFP que só soube hoje, juntamente com o resto do país, que o seu filho de 23 anos, Foued, era um dos três atiradores que dispararam sobre os espetadores do concerto no Bataclan com espingardas automáticas, fazendo 90 mortos no mais grave dos atentados de 13 de novembro

 

espetadores.jpeg

 

(Origem da imagem: Internet)

 

Não me contive e deixei lá o meu comentário:

 

«Não sabia que ao concerto no Bataclan tinham ido tantos ESPETADORES.

Espetadores de quê? O que é que essas pessoas, que foram ao Bataclan, ESPETARAM?

Fiquei intrigada. Alguém é capaz de decifrar este enigma?»

 

***

E logo o Zorro respondeu:

 

«Realmente. Mas, a avaliar pelo tipo de "música", se calhar muitos espetavam mesmo alguma coisa na veia».

 

E o Miguel Antunes, mais para o sério e certeiro, disse o seguinte:

 

«Não há nada para saber, Isabel! É, apenas e só, uma demonstração da estupidez natural das nossas, ditas, "elites" intelectuais, que querem sempre mostrar que são mais papistas que o próprio papa...

No Brasil, mantiveram a grafia antiga! Cá, tiveram que a mudar para mostrar a toda a gente o "inteligentes e cultos" que eram...»

Já com o euro fizeram a mesma porcaria, pondo lá o morabitino, que ninguém conhece, para mostrar a excelência da "sua" cultura.

É o chamado complexo de inferioridade, mas à fina!

 

***

 

Pois é! Nem mais. Gostei deste comentário. O Miguel Antunes disse absolutamente tudo, e com clareza.

 

É esse complexo de inferioridade que se estende aos governantes e os fazem VERGAR aos milhões e ao lobby editorial, que só tem uma coisa naquelas "cabeças" (leia-se cabaças): ganhar dinheiro à custa dessas "elites" intelectuais que, por sua vez, se vergaram a uma imposição ilegal e inconstitucional do dito aborto ortográfico, engendrado em 1990, para fazerem o jeito a um país que, apesar de irmão, é estrangeiro, porque “engordar” as contas bancárias de editores brasileiros e portugueses não engordou, muito pelo contrário.

 

É que «o Acordo Ortográfico é ilegal, porque o Dec-Lei 35228 de 08/12/1945 não foi revogado e é nele que está regulamentada a ortografia Lusa. A Resolução de Conselho de Ministros 8/2011, que ilegalmente mandou aplicar o AO90 a toda a Administração Pública foi produto da capitulação do Governo aos interesses das editoras brasileiras. (…) Ganhem vergonha, sejam patriotas e escrevam na NOSSA ORTOGRAFIA (Alexandre Carvalho).

 

Fonte da notícia:

http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=802590#comment-2401881314

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:13

link do post | comentar | adicionar aos favoritos
partilhar
Sexta-feira, 11 de Dezembro de 2015

Um convite do Jornal Público em Bom Português

 

Saudemos aqueles que não se vergaram ao lobby editorial luso/brasileiro e a governantes que impuseram um acordo ortográfico ilegal, indesejável e inexplicável.

 

CONVITE.jpeg

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:58

link do post | comentar | adicionar aos favoritos
partilhar
Quinta-feira, 10 de Dezembro de 2015

«Caos ortográfico em progressão para o linguicídio»

 

São Bento.jpeg

Temos de virar todos os sóis para estas janelas da Assembleia da República

Fonte da imagem

 http://www.sapo.pt/noticias/apenas-17-dos-230-deputados-da-assembleia-da-_55cb5b3c05caa029297e21f5

 

Esta citação foi retirada de um artigo brasileiro parcialmente reproduzido por Madalena Homem Cardoso na última imagem (pág. 39/39) da apresentação "CAOS ORTOGRÁFICO em progressão para o LINGUICÍDIO", remetida em Janeiro de 2013 como adenda a um Requerimento aos Ministros da Educação e dos Negócios Estrageiros, depois convertida em vídeo.

VISUALIZAR NO MODO DE "ECRÃ COMPLETO / FULL SCREEN / TELA CHEIA", ou descarregar aqui o ficheiro PDF (72Mb): https://docs.google.com/open?id=0B98J

 

 

Estamos a chegar ao fim de 2015.

Ninguém de direito aprendeu nada.

 

Nada mudou. Continua-se a desalfabetizar as nossas crianças, nas escolas.

Isto não é uma questão de como NÓS aprendemos a NOSSA Língua. É uma questão de como estão a DESENSINÁ-LA às crianças.

 

Nós recusamo-nos a escrever incorreCtamente. Mas... e as crianças?

As crianças que opção têm?

 

Continua-se a aniquilar a Língua Portuguesa.

A LUZ ainda não entrou na Assembleia da República.

 

Temos de virar todos os sóis para as janelas daquele edifício…


Isabel A. Ferreira

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:29

link do post | comentar | adicionar aos favoritos
partilhar
Quarta-feira, 9 de Dezembro de 2015

O que os brasileiros cultos pensam sobre o Acordo Ortográfico de 1990

 

Recados cultos para políticos incultos…

 

(Em actualização...)

 

 

Nei Leandro.jpg

 

ANDRÉ.png

 

MILTON FERRETTI JUNG.png

 

 

CAETANO VELOSO.png

HÉLIO SCHWARTSMAN.jpg

MARCOS CARUSO.png

CARLOS CONY.jpg

ROBERTA25299453_1431699823598348_33736951819540080

15380653_1022448154523519_2723028613162207959_n[1]

14656371_975167349251600_5335026065803500480_n[2].

14670853_1750018208582114_7321015870269405850_n[1]

14088407_913181332116869_120198061180725534_n[2].p

13533168_867266776708325_2495554323093645472_n[1]

12919778_813591972075806_6091725835677023965_n[1].

11041675_620277808073891_3571314027372158182_n[1].

 

BRASIL1.png

BRASIL2.png

 

BRASIL3.jpg

BRASIL5.png

BRASIL7.png

BRASIL9.png

BRASIL10.png

10447130_646911292077209_9125389350423729065_n[1]. 

19225066_d7fEL[1] ETIMOLOGISTA.jpg

Fonte da imagem:

https://www.facebook.com/brasilcontraacordoortografico/photos/a.144561049073195.1073741826.144288105767156/443663415829622/?type=3&theater

 

12745447_791928197575517_7038025273645473850_n[1].

11100354_624368920998113_2451547947176682763_n[1].

 

11150210_624717247629947_4975147873661460226_n[1].

 

***

 

Ver também:

 

O que os portugueses cultos pensam sobre o Acordo Ortográfico de 1990

 

O que os africanos cultos de expressão portuguesa pensam sobre o Acordo Ortográfico de 1990

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:57

link do post | comentar | ver comentários (4) | adicionar aos favoritos
partilhar
Quarta-feira, 2 de Dezembro de 2015

A Língua Portuguesa "acordizada" jamais será a Língua do futuro

 

Congresso em Coimbra debate a Língua Portuguesa como «língua de futuro»

 

Coimbra.jpeg

Origem da imagem: http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=800840

 

Organizado pela Universidade de Coimbra para encerrar as comemorações dos seus 725 anos, realiza-se de 02 a 04 de Dezembro, no Convento de São Francisco, um Congresso Internacional que reúne escritores, especialistas e investigadores para debater a «Língua Portuguesa: uma Língua de Futuro».

 

Acontece que a língua acordizada nunca terá futuro.

 

É absolutamente inacreditável que na mais antiga Universidade Portuguesa, na "minha" Universidade, a Língua Portuguesa vá ser tratada como uma língua esfarrapada por um acordo desacordado, que nenhum português culto subscreve, e que apenas interessa a editores mercenários, portugueses e brasileiros, a uns tantos interesseiros e a governantes ignorantes.

 

O que aqui está em causa é a Identidade Portuguesa.

 

A Língua Portuguesa está a ser infamemente mutilada, e apenas a REVOGAÇÃO desse vergonhoso acordo, que colocou à venda um dos mais preciosos patrimónios da nacionalidade portuguesa, serve realmente a Portugal.

 

Os promotores deste Congresso deveriam ter vergonha do que estão a fazer. A Língua Portuguesa, Culta e Europeia, não está à venda.

 

Recusamo-nos a aceitar o que pretendem que seja "pluralidade e diversidade da língua", quando tudo isso não passa de uma FRAUDE, pois o AO90 acaba com essa pluralidade e diversidade.  

 

Puro engano.

 

Essa língua desenraizada que por aí anda a ser usada,  nunca será a Língua Portuguesa, e com o AO90 os analfabetos funcionais crescerão como cogumelos em dias chuvosos e serão a catástrofe do futuro.

 

Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:41

link do post | comentar | adicionar aos favoritos
partilhar

Que acordo será o Acordo Ortográfico de 1990?

 

PERCEPÇÃO.jpeg

 

Não sei se já repararam que quando falamos do ACORDO ORTOGRÁFICO de 1990 falamos também e somente de como se escreve (neste caso é o que interessa) no Brasil, e não em Angola, Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Timor-Leste ou São Tomé e Príncipe onde a Língua Portuguesa é oficial e mantém-se no registo europeu. 

 

(Excluo aqui o disparate da Guiné Equatorial cuja língua oficial é a Língua Castelhana, mas também a Francesa, e só em 2010, incluiu a Portuguesa, por motivos obscuros, e a qual ninguém fala).

 

Pois encontrei esta imagem que aqui reproduzo, com a palavra percePção escrita correCtamente na Língua do Brasil.

 

Os Brasileiros não só escrevem como PRONUNCIAM aquele P de percePção, que tanta falta faz para “percebermos” o que queremos “compreender”. Então, por que carga d’água os Portugueses que oPtaram por seguir cega e servilmente o aborto ortográfico de 1990, hão-de escrever PERCEÇÃO (que se lê p'rc'ção) como a torto e a direito se vê, por aí, sobretudo nas legendas das nossas estações televisivas acordistas, ao serviço do Poder, onde se lê os maiores disparates escritos na língua acordizada?

 

Por outro lado, não entendo por que hão-de os Brasileiros mutilar a palavra faCtor (certo, não se lê o C, e daí?). O que será um F(Â)TOR ? (porque é assim que se deve ler esta palavra).

 

Procurando a etimologia desse “fÂtor” em dicionários brasileiros encontra-se que: «Ela deriva do Latim FACTOR, “criador, aquele que faz”, de FACERE, “fazer”».

 

Não, não deriva do Latim faCtor, nem de faCere. Deriva da necessidade de simplificar a escrita, para diminuir o analfabetismo, o que resulta num enorme erro, tão-só porque, em vez de diminuir o analfabetismo, aumenta-o consideravelmente. E eis que ficamos com milhares de analfabetos funcionais. Analfabetos escolarizados: que conhecem as letras,  mas juntam-nas aleatoriamente, sem sequer saber porquê?

 

No seguimento desta busca, encontrei um outro “vocábulo” que desconhecia, por completo: «FATURAR» (lê-se fâturar) que os Brasileiros dizem que em Aritmética significa, «decompor (um número) em todos os seus f(Â)tores», e em Álgebra, é decompor um polinómio em f(Â)fores.

 

E isto circula na Internet como sendo Língua Portuguesa…

 

Então apercebi-me de que a minha ignorância é infinita…

 

***

Dar uma no cravo, outra na ferradura… porquê?

 

FATORES.jpeg

 

Entretanto, descobri que vale a pena COMENTAR OS ERROS ortográficos e gramaticais nos jornais portugueses online (onde se escreve muito mal) porque são logo corrigidos… nos títulos....

 

E assim podemos chamar a atenção para o tratamento DESLEIXADO que, por conta do AO90 e de um Ensino bastante DEFICIENTE, estão a dar à Língua Portuguesa.

 

Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:07

link do post | comentar | ver comentários (7) | adicionar aos favoritos
partilhar

.mais sobre mim

.pesquisar neste blog

 

.Novembro 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
15
17
19
20
21
22
25
26
28
29
30

.posts recentes

. «A Língua é o Sangue de ...

. «Fonoaudióloga brasileira...

. Apontamentos sobre a Líng...

. No XI Festival Literário...

. Uma escola privada do Rio...

. Comentários de um profess...

. Nos canais de televisão, ...

. Excelente argumentação (m...

. «Com tanta “excessão”, ai...

. «Perda de Nave Espacial» ...

.arquivos

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

.Acordo Ortográfico

A autora deste Blogue não adopta o “Acordo Ortográfico de 1990”, por recusar ser cúmplice de uma fraude comprovada.

. «Português de Facto» - Facebook

Uma página onde podem encontrar sugestões de livros em Português correCto, permanentemente aCtualizada. a href="https://www.facebook.com/portuguesdefacto/" target="_blank">https://www.facebook.com/portuguesdefacto/

.Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt

. Sobre a grafia utilizada neste Blogue

Este Blogue rejeita automaticamente a grafia brasileira, preconizada pelo falso acordo ortográfico de 1990, que foi imposto ilegalmente aos Portugueses. Este Blogue adopta a Língua Oficial de Portugal – a Língua Portuguesa, na sua matriz culta e europeia - na grafia de 1945, a que está em vigor. Grafia brasileira só em textos escritos por Brasileiros.

.Os textos assinados por Isabel A. Ferreira, autora deste Blogue, têm ©.

Agradeço a todos os que difundem os meus artigos que indiquem a fonte e os links dos mesmos.
blogs SAPO