Sábado, 26 de Outubro de 2019

AO90: agora que o velho/novo governo foi empossado, há que praticar políticas novas que dignifiquem Portugal

 

Ao cuidado do Dr. António Costa, primeiro-ministro de Portugal

 

EXEÇÃO.png

Origem da imagem:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10215512807001943&set=a.1116631764632&type=3&theater&ifg=1

 

Se o velho/novo governo, que hoje foi empossado, tem a intenção de dar continuidade à fantochada em que se transformou a Língua Portuguesa, melhor será pedir já a demissão, senhor primeiro-ministro, porque tal situação, absurdamente caótica, não pode continuar, nem nós vamos baixar a guarda, como deve calcular.

 

O que se vê nesta, e em muitas outras imagens e legendagens e livros e papeis e papelinhos é absolutamente inaceitável, e Vossa Excelência, que devia ser o primeiro (uma vez que para alguma coisa servirá ser primeiro-ministro) a condenar esta linguagem deformada e    completamente imbecil, que anda por aí a arrastar na lama a Língua Oficial de Portugal, é precisamente o primeiro a defendê-la, sem ter a mínima noção do efeito altamente danoso que tal defesa acarreta para Portugal. Ainda não se deu conta disso, Doutor António Costa?

 

E um governo que não preza, nem defende um dos maiores símbolos identitários do seu/nosso país – a Língua Portuguesa, a alma portuguesa, um governo que se faz de cego, surdo e mudo diante das denúncias das gigantescas fraudes em que o AO90 (*) e membros do seu governo está envolvido, não merece governar, até porque não governa, desgoverna. E se é para desgovernar é melhor demitir-se, enquanto é tempo.

 

frase-a-lingua-de-um-povo-e-a-sua-alma-johann-fich

 

E igualmente será de boa política que os velhos e novos partidos, que integram esta XXII Legislatura, não sejam cúmplices do caos ortográfico e das fraudes que já foram tornadas públicas e das que ainda aí virão, dando-lhes cobertura.

 

É tempo de levar este assunto muito, muito a sério, e acordarem todos em extinguir o AO90, até porque não é da racionalidade estar a impingir a todo um povo, um falso acordo, assente num monumental logro.

 

Para esta legislatura, que agora começa, pede-se dignidade, honestidade e verdade.

 

Isabel A. Ferreira

 

(*) Caso ainda não tenham conhecimento das fraudes do AO90, deixo aqui um link para seguirem todo o enredo das fraudes:

https://olugardalinguaportuguesa.blogs.sapo.pt/augusto-santos-silva-e-lula-da-silva-209818?tc=22112651672

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:51

link do post | comentar | adicionar aos favoritos
partilhar

.mais sobre mim

.pesquisar neste blog

 

.Janeiro 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
15
19
21
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. «As intermitências do Aco...

. «O Acordo Ortográfico de ...

. Pequena amostra da indigê...

. Estranho mundo, o nosso…

. Manifesto que contesta as...

. Extraordinária «Contestaç...

. «O erro ortográfico»

. «Sobre o Politicamente Co...

. «O instituto, a língua, o...

. Audição da ILC sobre o AO...

.arquivos

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

.Acordo Ortográfico

A autora deste Blogue não adopta o “Acordo Ortográfico de 1990”, por recusar ser cúmplice de uma fraude comprovada.

. «Português de Facto» - Facebook

Uma página onde podem encontrar sugestões de livros em Português correCto, permanentemente aCtualizada. a href="https://www.facebook.com/portuguesdefacto/" target="_blank">https://www.facebook.com/portuguesdefacto/

.Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt

. AO/90 é uma fraude, ilegal e inconstitucional

O Acordo Ortográfico 1990 não tem validade internacional. A assinatura (em 1990) do texto original tem repercussões jurídicas: fixa o texto (e os modos como os signatários se vinculam), isto segundo o artº 10º da Convenção de Viena do Direito dos Tratados. Por isso, não podia ser modificado de modo a entrar em vigor com a ratificação de apenas 3... sem que essa alteração não fosse ratificada por unanimidade! Ainda há meses Angola e Moçambique invocaram oficialmente a não vigência do acordo numa reunião oficial e os representantes oficiais do Brasil e do capataz dos brasileiros, Portugal, meteram a viola no saco. Ora, para um acordo internacional entrar em vigor em Portugal, à luz do artº 8º da Constituição Portuguesa, é preciso que esteja em vigor na ordem jurídica internacional. E este não está!
blogs SAPO