Quinta-feira, 30 de Novembro de 2017

O FALSO ACORDO ORTOGRÁFICO DE 1990 SÓ TROUXE DESPRESTÍGIO À CPLP

 

 

CPLP.png

 

O acordo ortográfico de 1990 é um falso acordo, não só porque gerou o maior desacordo da história dos países lusófonos, como é uma espécie de "gato escondido com o rabo de fora" para encapotar a imposição da ortografia brasileira (mais acento, menos acento, mais trema, menos trema, mais hífen, menos hífen) aos restantes países de expressão portuguesa, com a pretensão de que eles são milhões. Mas se lhe retirarmos os milhares de analfabetos ainda existentes, os milhares que mal sabem ler e escrever (os semianalfabetos), os milhares que se estão nas tintas para a ortografia; os milhares que nem sabem o que isso é, acaba por restar menos de um milhar…

 

Que o falso AO90 é uma tremenda fraude e um falhanço total, o mundo inteiro já sabe. Que o falso AO90 não serve os interesses de nenhum país, exceptuando os interesses dos governos e editores brasileiros e portugueses, também já se sabe.

 

Que o falso AO90 só trouxe desprestígio à CPLP é um faCto.

 

Por isso não haverá outra saída senão recuar, antes que a babel ortográfica se instale de vez, e cada um passe a escrever como lhe dá mais jeito, e de acordo com os parcos conhecimentos que tem da língua.

 

Por cá, o caos já se instalou e desde erução, receção, óvio, teto, arquiteta, fazer um pato, e outros abortos ortográficos que tais, já se vê de tudo um pouco, conforme a incultura do escriba.

 

E errar até pode ser humano (e duvido), mas insistir no erro é insano (tenho certeza).

 

Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:47

link do post | comentar | adicionar aos favoritos
partilhar
comentários:
De Maria João Brito de Sousa a 30 de Novembro de 2017 às 18:26
Profundamente de acordo consigo e profundamente em desacordo com o AO 90.

Maria João
De Isabel A. Ferreira a 30 de Novembro de 2017 às 19:54
Penso que todos os que AMAM verdadeiramente a Língua Portuguesa amam e defendem a sua Matriz Culta e Europeia. Por que carga d'água deveríamos defender a ortografia brasileira em detrimento da NOSSA?

Só se fôssemos parvos.
De Maria João Brito de Sousa a 30 de Novembro de 2017 às 19:59
Tem toda a razão, Isabel!
Sem a Matriz Culta e Europeia da Lingua, prevejo uma verdadeira Babel ortográfica, tal como a Isabel.
De Isabel A. Ferreira a 1 de Dezembro de 2017 às 10:27
A babel ortográfica já se instalou em Portugal, e apenas em Portugal, porque mais nenhum país lusófono se vergou à parvoíce de um "acordo" que nem sequer é acordo, e apenas uma minoria inculta o adoptou em Portugal, porque é mais simples escrever como se fala (e como se fala mal!) do que ESTUDAR a Língua Portuguesa na sua Matriz Culta e Europeia e escrevê-la tal como os Ingleses escrevem a Língua Inglesa, os Alemães, a Língua Alemã, os Franceses, a Língua Francesa, os Espanhóis, a Língua Castelhana.
Apenas os portuguesinhos, em Portugal, são incapazes de PENSAR a Língua.
De Maria João Brito de Sousa a 1 de Dezembro de 2017 às 10:47
PENSAR a Língua, sondá-la, modelá-la e modulá-la tem sido o que me tem mantido presa à vida nestes últimos anos, apesar da crescente falta de saúde ...entendo-a bem, Isabel.
De Isabel A. Ferreira a 1 de Dezembro de 2017 às 18:39
Pois... é que PENSAR a Língua dá muito trabalho... e nem todos têm essa capacidade.
Bem-haja por ser daquelas que PENSAM a Língua. Daí o mérito dos seus prémios.
As melhoras. Um Abraço.
De Maria João Brito de Sousa a 2 de Dezembro de 2017 às 09:38
Um forte abraço,Isabel! Obrigada!

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar neste blog

 

.Junho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
15
16
17
20
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. «O AO90 ESTÁ A SER SUBSER...

. ESTRANHEZAS DO AO90 - MAS...

. À CONTA DO AO90 A ARTE DE...

. SÍMBOLO DA IGNORÂNCIA ACO...

. É ESTE NOVO TIPO DE IMBE...

. CONTRA O ACORDO ORTOGRÁFI...

. O “SUSTRATO” DO NOSSO DES...

. IMPOSIÇÃO ORTOGRÁFICA OU ...

. ANGOLA MANTÉM RESERVAS SO...

. FUTURO DA LÍNGUA PORTUGUE...

.arquivos

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

.ACORDO ORTOGRÁFICO

EM DEFESA DA LÍNGUA PORTUGUESA, A AUTORA DESTE BLOGUE NÃO ADOPTA O “ACORDO ORTOGRÁFICO” DE 1990, DEVIDO A ESTE SER INCONSTITUCIONAL, LINGUISTICAMENTE INCONSISTENTE, ESTRUTURALMENTE INCONGRUENTE, PARA ALÉM DE, COMPROVADAMENTE, SER CAUSA DE UMA CRESCENTE E PERNICIOSA ILITERACIA EM PUBLICAÇÕES OFICIAIS E PRIVADAS, NAS ESCOLAS, NOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, NA POPULAÇÃO EM GERAL E ESTAR A CRIAR UMA GERAÇÃO DE ANALFABETOS.

.

.CONTACTO

isabelferreira@net.sapo.pt

. AO/90 É INCONSTITUCIONAL

O Acordo Ortográfico 1990 não tem validade internacional. A assinatura (em 1990) do texto original tem repercussões jurídicas: fixa o texto (e os modos como os signatários se vinculam), isto segundo o artº 10º da Convenção de Viena do Direito dos Tratados. Por isso, não podia ser modificado de modo a entrar em vigor com a ratificação de apenas 3... sem que essa alteração não fosse ratificada por unanimidade! Ainda há meses Angola e Moçambique invocaram OFICIALMENTE a não vigência do acordo numa reunião OFICIAL e os representantes OFICIAIS do Brasil e do capataz dos brasileiros, Portugal, meteram a viola no saco. Ora, para um acordo internacional entrar em vigor em Portugal, à luz do artº 8º da Constituição Portuguesa, é preciso que esteja em vigor na ordem jurídica internacional. E este não está!
blogs SAPO