De Maria José Melo a 21 de Fevereiro de 2016 às 13:02
Concordo plenamente.
Hoje em dia, é uma confusão! A fonética do português de Portugal e do Brasil é diferente, o que, geralmente, não impede a compreensão entre os falantes dos dois países. Existe uma diversidade, exactamente como na língua inglesa.
O problema é que, agora, mesmo quem sabia escrever, deixou de saber e assiste-se a situações absurdas, como dizer-se "faCto", "espeCtador", contaCto" e haver pessoas e alguns meios de comunicação social a escrever tudo sem "C".
Lamento profundamente este "crime" e continuo a escrever como antigamente.
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.