Segunda-feira, 5 de Março de 2018

OSNY ALVES, ESCRITOR, POETA, AUTOR E PROFESSOR BRASILEIRO FALA DO ESTADO DA LÍNGUA PORTUGUESA

 

PALAVRAS.jpg

 

Texto publicado no Facebook por Elizabeth Pereira Gabas

 

«Excerto de um texto de Osny Alves

 

(…) «Tem aqueles que dizem que você põe a boca em lugares piores e agora eu direi quais são esses lugares! Quando você mete a boca na vida de alguém, e começa a falar mal da vida dela, quando você solta a língua para atropelar, e assassinar a língua portuguesa por exemplo, é algo íntimo e único.

 

Pelo menos deveria ser, já que a maioria dos brasileiros metem a língua para blasfemar coisas que demoramos horas para entender, como por exemplo, as frases que deixarei aqui, são frases postas em redes sociais, ou "banners" com alunos e professores e muitos outros manifestantes: «É isso que ‘dar’ falar ‘mau’ da vida dos otros.» Nítido que não leem, que não escrevem e se metem a escrever. «‘Só’ feio ‘mais’ que ‘em porta’ e ser ‘felis’» está na cara que a pessoa que escreveu isso é bem mais feliz do que imagina, já que não tem consciência de gramática alguma, e tem muita gente que defende esse comportamento! Lamentável.

 

O que diremos das entrevistas, dos vestibulares, dos concursos e tantas outras coisas que dependem da norma culta da nossa querida língua portuguesa? Outra que é de arrancar os cabelos e que tira suspiros de qualquer um que ensina nos dias de hoje: «Não preciso ser gay para defender a ‘homografia.» É bem capaz que não precise mesmo, mas com certeza ele necessita de muitos livros para se defender de muitas coisas nesta vida. Falar não é difícil, mas falar bem e escrever, isso leva anos de estudo, bem é o que deveria ser para todos que começam a fazê-lo desde a mais tenra idade.

 

Mais uma frase que me tirou alguns minutos, para entender o seu significado, foi essa: «depois q me casei as coisas piorou só eu q pagos as contas ,ela recebe e não quer me ajudar a pagar as contas só sabe ir p igreja e ainda quer q eu vou tbm ...» Seria até normal ler algo assim se não tivesse sido escrito por alguém que deveria ensinar a língua portuguesa, vemos que a maioria não liga para o uso correto, não se dão conta do mal que estão fazendo com as crianças, a língua Portuguesa no Brasil está virando um dialeto.

 

Essa outra frase é de matar: «Verás que um filho teu não ‘foje’ a luta.» Escrita em outro "banner" de uns seis metros, claro que não foge à luta, devem ter fugido da escola! Essa frase também teve o seu grande momento, na minha opinião, foi a pior: «‘Oge’ foi o meu casamento no ‘se viu’. Obrigado Senhor! Realmente tem que agradecer pelo casamento no Civil, mas não pela maneira de escrever. Tem-se em mente que não há mais erros e acertos na língua mãe, mas nem por isso temos que aprovar essa intimidade com esses estupradores da Língua Portuguesa.»

 

Fonte:

http://1001cronicasbrasileiras.blogspot.pt/2016/10/beijo-por-beijo.html

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:26

link do post | comentar | adicionar aos favoritos
partilhar

.mais sobre mim

.pesquisar neste blog

 

.Maio 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
19
21
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. MEDALHA DE MÉRITO CULTURA...

. INQUÉRITO SOBRE O ACORDO ...

. LÁ LONGE... ONDE EXISTE ...

. DIVAGAÇÃO SOBRE A LÍNGUA

. A NEGLIGÊNCIA NA LÍNGUA E...

. GUINÉ EQUATORIAL NÃO MOST...

. AO REDOR DA PALAVRA “PARA...

. O QUE ANDARAM A ESPETAR 1...

. O MIXORDÊS DO SENHOR PROF...

. UMA DECLARAÇÃO DE VOTO QU...

.arquivos

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

.ACORDO ORTOGRÁFICO

EM DEFESA DA LÍNGUA PORTUGUESA, A AUTORA DESTE BLOGUE NÃO ADOPTA O “ACORDO ORTOGRÁFICO” DE 1990, DEVIDO A ESTE SER INCONSTITUCIONAL, LINGUISTICAMENTE INCONSISTENTE, ESTRUTURALMENTE INCONGRUENTE, PARA ALÉM DE, COMPROVADAMENTE, SER CAUSA DE UMA CRESCENTE E PERNICIOSA ILITERACIA EM PUBLICAÇÕES OFICIAIS E PRIVADAS, NAS ESCOLAS, NOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, NA POPULAÇÃO EM GERAL E ESTAR A CRIAR UMA GERAÇÃO DE ANALFABETOS.

.

.CONTACTO

isabelferreira@net.sapo.pt

. AO/90 É INCONSTITUCIONAL

O Acordo Ortográfico 1990 não tem validade internacional. A assinatura (em 1990) do texto original tem repercussões jurídicas: fixa o texto (e os modos como os signatários se vinculam), isto segundo o artº 10º da Convenção de Viena do Direito dos Tratados. Por isso, não podia ser modificado de modo a entrar em vigor com a ratificação de apenas 3... sem que essa alteração não fosse ratificada por unanimidade! Ainda há meses Angola e Moçambique invocaram OFICIALMENTE a não vigência do acordo numa reunião OFICIAL e os representantes OFICIAIS do Brasil e do capataz dos brasileiros, Portugal, meteram a viola no saco. Ora, para um acordo internacional entrar em vigor em Portugal, à luz do artº 8º da Constituição Portuguesa, é preciso que esteja em vigor na ordem jurídica internacional. E este não está!
blogs SAPO