Quinta-feira, 7 de Setembro de 2023

«À Margem da Democracia” cozinhou-se o AO90, e agora também as “atas” das reuniões do Conselho de Estado, que ficam «atadas e seladas durante 30 anos» (???)

 

Estas “atas” (?), em Português, aCtas, «resultantes daqueles encontros ao mais alto nível, pela exigência da "transparência democrática" ficam "A-T-A-D-A-S" (de mãos e pés), seladas e guardadas a sete chaves, em cofres de acesso único».

 

E os absolutistas ainda se atrevem a dizer que vivemos em Democracia, e num Estado de Direito, onde tudo deveria ser transparente, mas NÃO é?

Fiz um apanhado dos comentários que se fizeram ao redor desta publicação.
Os conselheiros, o presidente, o governo querem fazer-nos de parvos?

 

Muita gente está atenta, e não tarda nada, vira-se o feitiço contra o feiticeiro, e ainda haveremos de os ver todos a ter de responder perante um tribunal por crime de lesa-pátria, porque Portugal e os Portugueses estão a ser altamente lesados com a imposição da Variante Brasileira do Português (AO90) que o Brasil veio impingir a Portugal, e políticos ignorantes aceitaram, acriticamente, cegamente, subservientemente...

 

Decreto-lei.PNG

Em relação ao AO90 houve:

 

- abuso de funções de soberania, ao aceitarem a USURPAÇÃO da Língua Portuguesa, por parte do Brasil, como “facto consumado”, sem ouvirem o POVO;

- submeter à soberania estrangeira o território português, ao permitir que o Brasil se intrometa no que nós temos de mais identificativo: a NOSSA Língua Portuguesa, que é representada na Internet com a bandeira brasileira, e não com a bandeira portuguesa, como devia ser;

- não só ofendem o Povo Português, como põem em perigo a independência do nosso País, a integridade e identidade nacionais, ao permitirem que, descaradamente, o Brasil se faça dono do que NÃO lhe pertence: a Língua Portuguesa.

 

Isto não seria matéria para o Conselho de Estado discutir? O que discutiram? O que disseram? Porquê tantos segredos? O que vale, é que os segredos são como o azeite: vêm sempre ao de cima.

 

Isabel A. Ferreira

 

***

Uma publicação de Eduardo Henrique, no Grupo Público  NOVO MOVIMENTO CONTRA O AO90,  no Facebook.

 

«AS "A-T-A-S" RESULTANTES DAS REUNIÕES DO CONSELHO DE ESTADO, FICAM "A-T-A-D-A-S" e SELADAS DURANTE 30 ANOS, (Nessa altura muitos conselheiros já terão morrido) EM COFRES INVIOLÁVEIS CONTENDO MATÉRIA "ULTRA-SECRETA" À QUAL O POVO NÃO PODE TER ACESSO.

 

SIMPLEX TRANSPARENTE, PRECISA-SE!

 

Uma jornalista interrogou hoje, Marcelo Rebelo de Sousa, pelo faCto de existir um longo período de 30 anos para manter sigiloso o debate do Conselho de Estado. Pergunta a Jornalista, "tanto tempo senhor Presidente"?

 

Sim, é demasiado tempo para "esconder" ao povo o que pensam os conselheiros como se naqueles encontros "à margem da Democracia" se discutissem estratégias para hipotéticos combates com armas nucleares nas ilhas Berlengas, situação que implicaria construir secretos "bunkers".

 

Pois bem, então as "A-T-A-S" resultantes daqueles encontros ao mais alto nível, pela exigência da "transparência democrática" ficam "A-T-A-D-A-S" (de mãos e pés), seladas e guardadas a sete chaves, em cofres de acesso único.

 

Que bom seria se tivéssemos acesso à feitura que levou ao "secreto cozinhado do acordo" pela calada da noite.»

Comentários:

Eduardo Henrique 1.PNG

Eduardo henrique - 2.PNG

Eduardo Henrique 3.PNG

Eduardo Henqique 4.PNG

 

 

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:55

link do post | comentar | adicionar aos favoritos
partilhar

.mais sobre mim

.pesquisar neste blog

 

.Fevereiro 2024

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
15
16
17
18
20
22
24
25
28
29

.posts recentes

. «À Margem da Democracia” ...

.arquivos

. Fevereiro 2024

. Janeiro 2024

. Dezembro 2023

. Novembro 2023

. Outubro 2023

. Setembro 2023

. Agosto 2023

. Julho 2023

. Junho 2023

. Maio 2023

. Abril 2023

. Março 2023

. Fevereiro 2023

. Janeiro 2023

. Dezembro 2022

. Novembro 2022

. Outubro 2022

. Setembro 2022

. Agosto 2022

. Junho 2022

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

.Acordo Ortográfico

A autora deste Blogue não adopta o “Acordo Ortográfico de 1990”, por recusar ser cúmplice de uma fraude comprovada.

. «Português de Facto» - Facebook

Uma página onde podem encontrar sugestões de livros em Português correCto, permanentemente aCtualizada. https://www.facebook.com/portuguesdefacto

.Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt

. Comentários

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome. 2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas". 3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.

.Os textos assinados por Isabel A. Ferreira, autora deste Blogue, têm ©.

Agradeço a todos os que difundem os meus artigos que indiquem a fonte e os links dos mesmos.

.ACORDO ZERO

ACORDO ZERO é uma iniciativa independente de incentivo à rejeição do Acordo Ortográfico de 1990, alojada no Facebook. Eu aderi ao ACORDO ZERO. Sugiro que também adiram.
blogs SAPO